Tecidos

Não é só de beleza que é feita uma roupa. O tecido também importa muito. Ao vestir, ele traz sensações para o corpo e memórias, por outro lado, como todo bem material, tem um impacto no meio ambiente. Por isso, buscamos sempre tecidos que respeitem o corpo e o meio ambiente. Fizemos uma lista dos tecidos que podem ser encontrados na coleção atual, para você saber de onde vêm e seus benefícios. É também legal destacar que muitos tecidos sustentáveis e de fibras naturais, requerem um cuidado a mais de quem usa para garantir sua vida longa. 

_____

ALGODÃO

Vestido Kaftan em Algodão Orgânico Colorido

O algodão é uma fibra natural que vem do fruto do "Algodoeiro". O tecido feito a partir dele tem uma boa capacidade de absorver a unidade, o que é muito bom para o clima brasileiro. Também tem a qualidade de ser durável, resistente ao uso e à lavagem, macio e confortável.

Cuidados: é um tecido que pode amarrotar e tende a encolher (na Acolá todas as peças que apresentam encolhimento já são prá-lavadas antes da venda para não encolher na sua casa, mas é sempre bom ter essa atenção quando comprar em outros lugares).

Nessa coleção usamos o Algodão Orgânico colorido, da Natural Cotton Color da Paraíba. Algodão plantado sem a utilização de agrotóxicos, só utilizando fertilizantes naturais. Ele já nasce colorido, economizando assim 87,5% da água que seria consumida num processo convencional. Há também uma preocupação com a mão-de-obra que recebe uma remuneração digna e boas condições de trabalho, sendo um dos maiores exemplo atuais de cadeia produtiva sustentável social e ecológica na indústria da moda brasileira.  

Outro destaque é o Jade, da G.Vallone, uma empresa nacional que prioriza tecidos naturais, se preocupa com questões ambientais e constrói uma moda mais sustentável. Esse tecido tem uma textura bem bonita que lembra uma tela. Também da G. Vallone é o Kumari, um tecido mais estruturado de algodão, viscose e linho.

Como base para a estampa "Cacos" escolhemos um tecido da Spring Têxtil chamado Bari, com fibras misturadas que contém uma porcentagem maior de algodão, mas também Viscose, Modal e Linho. Ele faz parte da linha de produtos Going Green, contando com viscose de reflorestamento (Lenzing) e o algodão com certificação BCI. É um tecido sustentável, nobre, com aspecto rústico por ter linho em sua construção e muito leve. 

Conheça nossos modelos feitos em algodão

_____

TENCEL

Vestido Lua em Tencel 63

Com o nome comercial de Liocel, o Tencel foi criado e cretificado por um empresa austríaca eco-friendly, chamada Lenzing. Ele é extraído de eucaliptos em florestas certificadas em um processo sustentável de ciclo fechado. O Tencel é obtido da celulose da polpa da madeira, utilizando um solvente reciclável e sem sofrer a agressão de produtos químicos, sendo assim considerado por alguns como uma fibra natural. Esse formato de “ciclo fechado” recebeu o European Award for the Environment, que é um prêmio da União Europeia para o meio ambiente.

O Tencel oferece um caimento perfeito, a resistência do algodão e o toque e a maciez da seda, tudo isso aliado ao frescor da fibra celulósica. Também é uma fibra extremamente estável às lavagens, com encolhimento quase nulo e tem a capacidade de dificilmente rasgar.

Cuidados: lavar com sabão neutro, secar à sombra, não usar alvejante e passar com o ferro do avesso para não dar brilho.

Damos preferência aos tecidos nacionais, portanto compramos artigos com propriedades semelhantes às do Tencel, da Lenzing, mas fabricados no Brasil. É o caso do Cool, comercializado pela Sun Special. Também é proveniente da celulose da madeira, sendo assim biodegradável. Outro tecido que utilizamos é o Tencel 63, da Psla, com as mesmas características de toque delicado, fluidez e respirabilidade. 

Conheça nossos modelos feitos em Tencel.

_____

LINHO

Calça Pinheiro | Regata Granilite ambos 100% linho

O linho dispensa apresentações. Um dos tecidos mais antigos usados pela humanidade, sendo cultivado e produzido pelos egípcios em 2500 a.C, ele tem a característica de um tecido perfeito para os dias quentes: leve, permite à pele respirar, além de possuir fibras longas, o que o torna um tecido extremamente resistente. 

Um dos tecidos que está há mais tempo nas coleções é o Tricolinho Plus, uma malha 100% linho da Menegotti, uma empresa familiar brasileira, que investe continuamente para sempre manter um alto padrão de qualidade e se tornar uma empresa sustentável.

Para esse verão apostamos também no Lila, um tecido plano da empresa nacional Lady, 100% linho, extremamente durável.   

Outra empresa familiar brasileira fornece o Linen e o Heavy Linen, bases para nossas estampas. Ambos com composição por volta de 60% viscose e 40% linho, sendo que o primeiro é mais leve e o segundo tem característica mais estruturada. A mistura com viscose mantem a peça fresca, com a ventagem de não amassar muito.

Conheça nossos modelos feitos em linho.

_____

MODAL

Blusa Asa em tecido misto com modal

A fibra do Modal é extraída da Faia, árvore cultivada em florestas renováveis, que dispensa em seu cultivo o uso de irrigação, dependendo somente das chuvas. Sem contar que a Faia é extremamente resistente a pestes e assim não é necessário o uso de pesticidas. O tecido de modal absorve até 50% a mais de umidade que o algodão, ou seja, quando você veste alguma peça feita com essa fibra no calor, você tem a sensação de estar “seca”.

Os tecidos de modal que temos são da G. Vallone, empresa brasileira referência em inovação e sustentabilidade. Compramos o Granada, 100% modal, e o Aspen, que é uma mistura de Modal, com Tencel, importado da Lenzing, e seda.

Conheça nossos modelos feitos em Modal.

_____

ECOVERO

 

Uma novidade entre os tecidos da coleção é o Maxine, desenvolvido com a fibra EcoVero, último lançamento da Lenzing, empresa austríaca referência em sustentabilidade no mercado têxtil global.

A  EcoVero é extraída da madeira da faia, uma árvore nativa da Áustria. Essas árvores estão dentro de florestas de manejo, ou seja, existe um planejamento para a retirada de todos os produtos das florestas conforme os padrões especificados por ideias sustentáveis. Árvores maiores são exploradas de forma cuidadosa, sendo que se deve deixar as pequenas para o recolhimento futuro. Além disso, para cada árvore derrubada são plantadas novas árvores.

O processamento de madeira em celulose e fibra fornece simultaneamente a energia necessária para as instalações de produção da fábrica. O final do ciclo de vida das fibras é tão natural quanto sua origem em madeira: as fibras da Lenzing são biodegradáveis e seus restos alimentam o terreno para o crescimento de novas plantas.

Além de todas essas características, para garantir a transparência de seus processos, a Lenzing fornece um número de certificação que rastreia a origem da fibra.

Conheça nossos modelos feitos em EcoVero.